Irene,
Não me maltrate o coração assim,
Você bem sabe que eu te quero tanto
E no entanto faz deter de mim.

Não posso
Viver assim tão sozinho
Irene, eu peço por Deus
Vem-me fazer um carinho.

Você bem sabe
Sempre foi meu grande amor
Sem você meu bem não vivo
Não suporto tanta dor.

Não posso
Subir o morro sem você do lado,
Irene vem como de braço dado,
Nosso baraco é tão defeitado.
Oi, cheio de babado.