enquanto você vai
me diz já, quem lá vem
para ocupar o espaço
que já foi meu também
o pouco que eu deixar
não precisa esconder
deixa essa pista pra você não se perder

vai, e não deixa ninguém ver
para quem vier contar
não saber o que dizer

nos outros que viram
vê se exclui minha inclusão
o oco q existe
é pra nós
é pra nós
uma missão
de quem não sabe perder
e vive essa vida com o pesar
de sempre se guardar

vê, o que de longe é razão
quando chega ao olhar
mas parece uma ilusão
uma tortura pra agüentar
tanta magoa pra beber
uma mentira pra salvar
alguns vícios pra esquecer

e eu isolado nessa ilha que eu criei

penso em mim
penso em você
mas nunca pensei
em nós dois