Então,pra todos um bom dia!
Acordo cedo de novo,
Uma nova correria.

Acordo o pai pro trampo
Já pensando no quanto
O dia vai ser corrido.
Me sinto bem no meu canto.

E divido a minha dor,
Minha raiva com vocês.
Eu juro vou tentar não
Ser chato dessa vez .

Tô puto!muitos problemas,
Muitas tretas,mais eu luto,
Eu vou trampando
Em todas tretas .


Em cada letra um momento,
Coisas que senti.
Cada video um sentimento
Igual esse que eu recebi.

Admiro o talento,
Quem trampa vai conseguir.
Tô sempre pronto pro arrebento,
Quem quiser,pode vir .

O rap me deu problemas,
Me deu alegrias.
O rap me deu esquemas,
O rap me deu vadias .

O rap me deu damas,
Que usa e finge que ama.
O rap me deu parceiros
E os que só querem saber da minha grana.

O rap me deu confiança
Me deu alto estima.
Me deu várias coisas,
Mas só deus que me deu tanta rima.

Então,não é me achando não
Parceiro,entendeu?
É que não tem wzy sem rap
E esse rap sou eu .

Refão:
Bom dia!vamo acordar!
Um novo dia,é hora de lutar.
Eu queria poder descansar,
Mas esse rap sou eu,e eu não posso parar. (bis)


E eu ralo tanto...
E não importa oque eu faça,
Sempre me criticam,
Olha que eu dou o som de graça .

Mas tudo bem...inveja,
Ingratidão é normal.
Usam o meu produto e mesmo assim
Ainda falam mal .

E sem gastar um real,
O que eu poço fazer?
Eu tenho fã,mas
Qual de vocês vai comprar meu cd?

É o que eu quero saber,
Porque até o dia que eu morra
Vô continuar rimando,assim,
Sozinho nessa pohaa!

E você?sabe por quê que
Eu rimo assim tão bravo?
É porque eu trampo nessa poha
E não vale um centavo .

Desculpa o meu desabafo,
Parecero,eu não aguento não
Eu tenho talento demais
Pra ouvir sermão de patrão.

Não é que eu não sô humilde,não
É que eu falo o que eu acho.
Meu pai me ensinou bem,
Eu tenho que começar debaixo.

Já levei cada exculacho,
Tô mais baixo que o subterrâneo.
Não sussego o faxo,
Exponho tudo o que tenho no crâneo.

Não tenho papas na língua,
Eu sou polêmico.
Louco,rouco,ouço voz,
Sou excrisofênico.

A cada rap fraco,
Cada rap anêmico.
Essas merda que ceis faz
Não ocupa neim papel higiênico!


Refão:
Bom dia!vamo acordar!
Um novo dia,é hora de lutar.
Eu queria poder descansar,
Mas esse rap sou eu,e eu não posso parar. (bis)