Nadando contra a correnteza
Avançando um metro, e voltando dois
Uma braçada para frente
São duas para trás
Sem desistir de tentar
Sei que vou encontrar a margem

Pisarei em terra firme
E farei tudo outra vez
Correrei ao ar livre
Te beijarei mais uma vez

Nossa vez, vai chegar
Nem mesmo que seja em outro lugar
Nunca saberei, se desistir vai ser melhor
Se eu não me ralar, correndo até o meu lar

Não estamos totalmente perdidos
Pois já temos destino
O que dificulta é o caminho que seguimos

A ponte pode até quebrar
O portão, um dia vai se fechar
Com uma escada, subirei tão alto
(Quase chegando nas nuvens)

Como um aventureiro cansado
Encontrarei o meu tesouro
Mesmo que seja pouco
Realizarei meu sonho
Isso só se eu não desistir jamais